Graphic Novel

 

A Agência de Viagens Lemming foi editado em tiras semanais no suplemento de férias do Diário de Notícias em 2005, as histórias foram agrupadas em duas secções:
Dez mil horas de jet lag e O síndrome da classe turística.
Quem aprecia A Pior Banda do Mundo vai encontrar aqui múltiplos pontos de contacto, mas A Agência de Viagens Lemming tem uma caraterística única na obra de JCF: mantendo uma linha condutora, alterna ritmos narrativos, mistura o apontamento curto com a história mais prolongada, e em dois ou três casos, afasta-se do remoque malicioso, que é a sua imagem de marca.

Autor: José Carlos Fernandes



Durante a ocupação da Holanda pelos nazis, a jovem Anne Frank viveu escondida com a sua família e outras quatro pessoas numa casa de Amesterdão.
Durante dois anos dedicou-se a escrever, no seu diário, tudo o que sucedia na casa, assim como os seus sentimentos, dúvidas e pensamentos mais profundos.

Autores: Sid Jacobson e Ernie Colón



Uma desastrada e inepta banda de músicos, de intenções vagamente jazzísticas e resultados puramente caóticos, ensaia regularmente na cave de uma alfaiataria.
Os seus membros são Sebastian Zorn (saxofone tenor), Idálio Alzheimer (piano), Ignacio Kagel (contrabaixo) e Anatole Kopek (bateria).
Apesar de ensaiarem há três décadas, nunca conseguiram actuar ao vivo.

Autor: José Carlos Fernandes

História autobiográfica que conta a história da infância de Craig Thompson, do seu primeiro amor e juventude.
A narração estabelece uma ligação magistral entre palavras, imagens e silêncios, que nos agarra enquanto lemos e fica connosco depois de pousar o livro.
Livro vencedor de três Harvey Awards 2004: Melhor Artista, Melhor Álbum Gráfico de Trabalhos Originais e Melhor Cartoonista; e de dois Eisner Awards: Melhor álbum Gráfico, Melhor Argumentista/Artista.
Foi distinguido pelo Festival Amadora BD como Melhor Álbum Estrangeiro, em 2012.

Autor: Craig Thompson

A história de um casal como outro qualquer: os encontros fugazes, a magia do enamoramento, uma vida em comum com uma criança.
As pranchas de Peeters complementam a narração com imagens de silêncio e inquietude, naqueles momentos em que a vida se suspende em interrogação profunda e é necessário convocar todas as energias vitais, para proteger um horizonte de felicidade, indefeso de certezas.
Uma obra dedicada a todos os que apreciam desenrolar os novelos da paixão, sabem que sem dedicação a vida não é a dois e para apaixonados pela vida de carne e osso.

Autor: Frederik Peeters

A história de Dodola e Zam, duas crianças escravas ligadas uma à outra pelo acaso, pelas circunstâncias e pelo amor que cresce entre elas.
Seguimo-las enquanto lutam para criar o seu lugar num mundo alimentado pelo medo, luxúria e ganância.
Ao mesmo tempo contemporânea e atemporal, Habibi é uma parábola sobre a nossa relação com o mundo natural, a divisão cultural entre o primeiro e o terceiro mundos, a herança comum do Cristianismo e do Islamismo, e, mais poderosamente, a magia de contar histórias.

Autor: Craig Thompson

Nestas páginas com um estilo introspectivo e intimista, Jiro Taniguchi dá-nos a conhecer O homem que passeia, através das suas deambulações, frequentemente mudas e solitárias, através da cidade onde reside.

Autor: Jiro Taniguchi



O Caçador é a história de um homem que atinge Nova Iorque frontalmente como a explosão de uma caçadeira no peito.
Traído pela mulher que amava e enganado pelo seu parceiro no crime, Parker atravessa o país apenas com um pensamento – vingar-se friamente e reclamar o que lhe foi roubado.

Autores: Darwyn Cooke e Richard Stark


Pyongyang é quase uma fotorreportagem da estadia do autor na Coreia do Norte, enquanto colaborador do Estúdio de Animação SEK (Scientific Educational Korea).
As histórias, ilustradas de forma simples mas bastante pormenorizada, apresentam com ironia e bom humor os paradoxos de uma sociedade em negação.

Autor: Guy Delisle

Em Shenzhen Guy Delisle tenta compreender os costumes de uma sociedade, durante o curto período de tempo em que trabalha na cidade e limitado à pequena área que lhe é permitido visitar.

Autor: Guy Delisle